domingo, 15 de março de 2009

Melhores Beatmakers da City












Classe A Beat, são os beats produzido por DiegØ-157, integrante do grupo 157 Nervoso que disponibilizará no mercado ainda no primeiro semestre de 2009 seu primeiro CD denominado, A cria rebelde. Seus beats tem a pegada de um bom jazz e músicas clássicas de deixar qualquer Mc, na verdade não é qualquer mc são só os clássico, “babando” na vibe para poder botar o flow em cima dessas batidas.

“O gueto chora, sangra e sofre. O boy aplaude, ri e alimenta o fogo da nossa destruição. Fogo esse que deu uma roupagem de Pit Bull raivoso as novas crias do gueto contemporâneo e faz com que a chama obrigue os patrocinadores da nossa miséria a se refugiarem em condomínios com cercas eletrificadas, andarem com blindagem no carro e perderem a liberdade”.



De la Rua Beats



Esses beats são de responsabilidade do Mc Coscarque, o mc mais free style do universo, ele é integrante do grupo Versu2, que está com previsão de lançamento do seu CD para 2009, pelo selo positivoz. Esse cd vale apena ter em casa, porque ele é: A arte da segueira x A crise do silêncio.


A influencia desses beats está voltada numa esfera gigantesca de música a exemplo temos: J. Dilla, krs One, Marley Marl, 9th Wond, Kanye West, Hi-Tek, Peter Rock, Raw, Babu, Premier, Common, Mos Def, Main Flow, Diego 157, Novos Baianos, Kamau, Ivete Sangalo, Sinho Representativo, entre outras genialidades da música mundial.



“A rua e toda sua arquitetura mágica que me fascina e mostra a vida existente nos rumores pra uns e musica clássica pra outros”.




Beats Paralelo




Gilmar Carvalho, instalador de som de profissão, já foi pinchador-grafiteiro e agora é beatmaker. Descobriu o poder de fazer acontecer com o DJ TSR que lhe apresentou logo de cara o software chamado Ejay Hip Hop e logo em seguida veio o Sound Forge que é o grande companheiro de quem trabalha no ramo musical. A partir de então foram feitas varias gravações em casa com amigos utilizando seu velho PC, recebendo um convite para fazer parte da equipe NDM Stúdio, surpreso resolveu entra de cara e obtendo maior experiência, recebendo logo um convite para participar da equipe do Elemento X assim conhecendo realmente o meio profissional de fazer rap. Hoje, usuário assumido do FL Studio, tomar como ponto de partida fazer experiência e reproduzindo tudo em seus beats que já são apreciados por vários.


Podemos acompanhar e fazer o download de seu trampo aqui: Jumàh.

5 comentários:

╬ Nothing has sense ╬ Felipesfr disse...

humm.. legal..
achei interessante....

gostei mesmo

esdras b disse...

Não entendo nada de beats.
Mas tá comentado.

Isa Dora disse...

Ea JOhnny!

DiegØ 157 disse...

Os melhores eu não sei não hein?! Mas que nossos ouvidos estão atentos a boa música que pode ser transformada num bom rap ah sim , aí estamos! Valeu Bongos, tamo juntoi na missão!

Iaiá ° disse...

QUALIDADE PURA!